quarta-feira, 16 de maio de 2012

Noticias Brasil

Mesmo selecionando os meios de comunicação, bem como os sites visitados, não estamos imunes aos desmandos que acontecem todos os dias e nos deixam estarrecidos com tanta injustiça, irresponsabilidades e descaso com o semelhante. Em S. Paulo, dois jovens que sofreram um acidente automobilístico, foram acusados, mesmo sem nenhuma prova convincente, de furto de automóveis. O juiz decretou prisão preventiva e escreveu nos autos, que não tinham residência nem ocupação fixa. Tudo falso, e assim os jovens ficaram dois meses detidos, mesmo com a divulgação da fraude cometida pelos policiais e justiça.
Em nosso estado, mulher "dá a Luz", em maca na entrada do hospital, por falta de vaga no mesmo, mas o governo estadual divulga em jornais de grande circulação, o progresso alcançado com a ampliação do numero de leitos disponível na rede pública.
Nossos legisladores descobriram, que omissão de socorro é crime. e votaram uma lei, que criminaliza qualquer hospital particular que negar atendimento de emergência a alguém por falta de dinheiro. Os hospitais públicos continuarão como antes, (atendem se possível), e ninguém faz nada ou quase nada.
Nós pagamos imposto sobre tudo que consumimos ou até mesmo quando falamos ao telefone, quando cozinhamos ou acendemos uma lâmpada. Mas falta dinheiro para atendimento básico na saúde. Embora se gaste valores absurdos com divulgação do pouco, que é executado. Também não falta dinheiro para nossos ilustres legisladores em todos os níveis. Inclusive o número de vereadores será bem superior nos próximos anos.
O judiciário, mesmo com tantas denúncias, continua como antes, autoritário, incoerente, surpreendendo-nos cada dia com decisões, que parecem pré concebidas de acordo com a posição social do acusado.
Nossa imprensa, com raras exceções, é uma lástima. A noticia que é divulgada, nem sempre é a que deveríamos ouvir, mas tudo é feito para encobrir temas que insistem em esconder da população.
Com tudo que vejo, concluo, que não estão satisfeitos com a democracia plena que vivemos, mas almejam uma nova ditadura, que beneficiará muitos envolvidos nos desmandos do país. Vigiemos pois.

Nenhum comentário:

Postar um comentário